Covid-19: vacinação de crianças deve começar em janeiro em Minas Gerais

Publicidade

A previsão é que a vacinação contra Covid-19 em crianças comece na segunda quinzena de janeiro.

A vacinação contra a Covid-19 de crianças entre 5 e 11 anos deve começar ainda em janeiro em Minas Gerais. A informação foi foi divulgada pelo secretário de Estado de Saúde,  Fábio Baccheretti, durante a última reunião do Comitê Extraordinário Covid-19 de 2021.

Varginha já recebeu o comunicado oficial sobre a nova fase da campanha, mas aguarda o envio dos imunizantes específicos para esta faixa etária para iniciar a vacinação.

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, anunciou, nesta segunda-feira, 3, que as vacinas para esse público chegam ao Brasil na segunda quinzena de janeiro.

Assim que as vacinas chegarem o cronograma será divulgado pelo Varginha Digital.

Publicidade

Receita médica para a vacinação infantil

Baccheretti reiterou que o Estado não vai exigir receita médica para a vacinação infantil, ou seja, não haverá a exigência da prescrição médica. O público infantil será tratado como os diversos públicos dentro do Programa Nacional de Imunizações (PNI).

Polêmica

Desde que a Anvisa autorizou o uso da vacina da Pfizer para crianças de 5 a 11 anos no Brasil, o assunto é polêmico, principalmente por causa da resistência do governo Federal. Os servidores da Anvisa chegaram a ser ameaçados. O presidente da república, inclusive, disse que divulgaria os nomes dos técnicos responsáveis pela análise. 

Uma carta aberta das Sociedades Brasileiras de Pediatria, Infectologia e Imunizações foi divulgada defendendo a decisão da Anvisa e recomendou a vacinação de crianças de 5 a 11 anos com o imunizante da Pfizer. No documento, que pode ser lido na íntegra neste link, os médicos destacaram que os benefícios da imunização superam quaisquer possibilidade de riscos com a aplicação do antígeno. 

O texto ainda destaca que a vacina a ser utilizada no público infantil tem cerca de um terço da dose aplicada em adultos e adolescentes e teve eficácia de 90,7%, segundo os estudos clínicos.

Consulta Pública

Uma consulta pública, feita entre os dias 23 de dezembro de 2021 e 2 de janeiro de 2022, recebeu 24 mil contribuições para analisar a vacinação em crianças a partir de 5 anos. De acordo com o Ministério da Saúde, o procedimento é o primeiro do tipo a ser adotado pela pasta na história. Em situações do tipo, o órgão apenas endossava as decisões da Agência Nacional de Vigilância (Anvisa).

A consulta pública, que inclui a recomendação de que seja exigida uma prescrição médica para vacinar a criança, tem sido criticada por especialistas e pelos próprios técnicos da Anvisa.

Ao menos 19 estados e o Distrito Federal, entre eles Minas Gerais, dizem que não vão exigir pedido médico para a vacinação de crianças.


Veja mais notícias no Varginha Digital

Siga-nos no Google News

Participe dos Grupos do WhatsApp e receba as novidades!

Varginha Digital
Notícias de Varginha e do sul de Minas direto no seu celular.

Se você encontrou alguma imagem ou texto em que os direitos autorais não foram creditados, por favor, entre em contato conosco para efetuarmos a correção.

Publicidade

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui