Hospital Bom Pastor recebe R$ 5 milhões para compra de equipamento para tratamento de câncer

Publicidade

Referência em oncologia em Varginha e 53 municípios do Sul de Minas, o Hospital Bom Pastor atende população estimada em 1 milhão de pessoas.

O Hospital Bom Pastor, de Varginha, que é referência na região Sul do Estado e atende uma população estimada em 1 milhão de pessoas, foi contemplado com uma verba de R$ 5 milhões do Ministério da Saúde. O recurso será usado para a compra de um novo Acelerador Linear de Fótons de Gantry fechado com auto-blindagem, aparelho considerado fundamental para o atendimento dos pacientes com câncer que são tratados no hospital.

O aparelho vai melhorar muito a qualidade do serviço de saúde oferecido pelo hospital, agilizando o tratamento vários tipos de câncer. Hoje as pessoas são obrigadas a enfrentar uma grande fila para as seções de quimioterapia, uma vez que o equipamento que temos está completamente sucateado”, explica o secretário de Saúde de Varginha, Armando Fortunato.

Estejam certos de que esse novo aparelho vai ajudar não somente a população de Varginha, mas também de 105 municípios da região Macro Sul de Minas, que têm o Bom Pastor como referência no atendimento em saúde”, assinala o prefeito Vérdi Lúcio Melo que cumpriu agenda na presidência do Senado ao lado do secretário de saúde Armando Fortunato nessa quarta-feira, 14.

Referência na Macro Sul

O Bom Pastor, que pertence à Fundação Hospitalar do Município de Varginha (FHOMUV), é um hospital público municipal, sem fins lucrativos, 100% SUS (Sistema Único de Saúde). É referência para 105 municípios da região Macro Sul de Minas, atende 39 especialidades médicas e funciona como referência em atendimento de alta complexidade em oncologia.

O hospital realiza, anualmente, mais de 376 mil procedimentos: 59.371 quimioterapias, 93.367 sessões de radioterapia, 4.553 internações, com média diária de 1.044 atendimentos. Dispõe de 112 leitos, sendo 10 para terapia intensiva, internações clínicas, cirurgias e um serviço de pronto atendimento.

O Bom Pastor tem um Acelerador Linear, mas sua vida útil está comprometida e já em 2022 deixará de funcionar. Com o novo aparelho, o hospital vai poder manter os serviços de oncologia de alta qualidade que oferece aos pacientes de Varginha e região.


Veja também

Se você encontrou alguma imagem ou texto em que os direitos autorais não foram creditados, por favor, entre em contato conosco para efetuarmos a correção.

Siga-nos no Google News

Varginha Digital
Notícias de Varginha e do sul de Minas direto no seu celular.
Varginha em um clique!

Publicidade
Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui