Mulher é vítima de golpe por WhatsApp em Varginha

golpe whatsapp

O golpista usou o WhatsApp da vítima para pedir dinheiro.

Uma mulher, de 40 anos, foi vítima de um golpe na terça-feira, 13, via Whatsapp. De acordo com a vítima, o aplicativo foi clonado e o golpista passou a mandar mensagens para amigos e familiares. Nas mensagem eram pedidos depósitos em dinheiro para serem pagos no dia seguinte.

A vítima só percebeu o golpe quando seu pai ligou dizendo que havia recebido mensagens pedindo por ajuda financeira. Ao verificar o celular, descobriu que o aplicativo não funcionava mais.

Duas pessoas chegaram a fazer transferência bancária e só perceberam o golpe após conseguir contato com a vítima. Eles procuraram suas agências para tentar reverter as transações.

Como os golpistas tiveram acesso ao aplicativo

A vítima recebeu uma ligação na qual um homem se passava por atendente de central de relacionamento de site onde tinha havia acabado de anunciar um veículo para venda. Pelo anúncio tinha sido cobrado o valor de R$ 103,99 debitado em cartão de crédito.

O suposto atendente pediu para confirmar alguns dados e enviou um código via mensagem. O golpista informou ainda que o site de vendas estaria com uma parceria com o WhatsApp, por isso ele receberia mensagens dos compradores direto por este aplicativo.

O código enviado permitiu o acesso ao aplicativo pelos golpistas, que clonaram o perfil e bloquearam o uso pela vítima. Com isso os bandidos conseguiram a lista de todos os contatos e começaram a mandar mensagens pedindo dinheiro.

Os golpes usando aplicativos não são novos, mas essa nova modalidade de golpe envolvendo sites de compra e aplicativo WhatsApp, onde os números são clonados é recente.

A orientação da Polícia Militar é NÃO realizar nenhuma transferência ou depósito sem conseguir falar com a pessoa que, teoricamente, mandou a mensagem solicitando ajuda financeira.

O golpista não foi localizado.

Voltar para a Página Inicial | Curta o Varginha Digital no Facebook

DEIXE UM COMENTÁRIO

Insira seu comentário
Por favor digite seu nome