A receita de hoje é deliciosa, venha aprender a fazer uma abóbora recheada vegana.

Na coluna Na Cozinha dessa semana vamos começar o mês de outubro com uma receita super saudável, vou ensinar a fazer uma abóbora recheada vegana.

A abóbora deve ser assada e seu recheio muito prático de fazer. Para quem não é vegano pode-se acrescentar frango desfiado ao recheio também.

Vamos ao passo a passo:

Ingredientes

1 abóbora
2 dentes de alho médios picados
1/2 cebola média picada
1 xícara (chá) de palmitos picados
1 xícara (chá) de tomates maduros picados

1/2 xícara (chá) de azeitonas picadas
1/2 xícara (chá) de água
2 colheres (sopa) de aveia em flocos finos
1/3 xícara (chá) de leite de coco
1/2 xícara (chá) de cheiro-verde picado
sal
óleo
azeite a gosto

Como fazer

Retire a tampa de sua abóbora e reserve. Retire também todas as sementes com o auxílio de uma colher, salpique sal e jogue um fio de azeite e passe por todo o interior da abóbora.

Cubra ela com papel-alumínio, tampe, disponha em uma assadeira e asse em forno médio preaquecido por 40 minutos ou até espetar o garfo e a abóbora estiver macia.

Prepare o recheio, em uma panela em fogo médio, coloque um fio de óleo e adicione os dentes de alho picados, refogando até dar uma leve douradinha.

Acrescente a cebola e refogue novamente.

Adicione os palmitos picados, os tomates e as azeitonas e refogue até o tomate dar uma leve derretida.

Tempere com sal a gosto e refogue mais um pouco.

Em 1/2 xícara de água, acrescente a aveia em flocos finos, misture e junte com os ingredientes da panela. Adicione também o leite de coco.

Assim que começar a borbulhar, acrescente o cheiro-verde picado e desligue.

Retire a abóbora do forno e o papel-alumínio que está sobre ela. Recheie o interior com a mistura da panela, tampe e deixe assar por mais 15 minutos.

Está pronto.

Bom apetite!

Professora CarineChef Carine Domingueti
Professora Carine Pereira Domingueti MBA em Gestão de Turismo e Hospitalidade. Graduada em Gastronomia.
Aperfeiçoamento em várias áreas da gastronomia como Garde Manger, Rôtisseur, Entremétier, Patissier e Boulanger.
Atua como professora titular no Centro Universitário do Sul de Minas na Unidade de Gestão da Educação a Distância de Tecnologia em  Gastronomia.

Curta o Varginha Digital no Facebook e acompanhe as notícias também pelo Instagram.

Voltar para a Página Inicial

DEIXE UM COMENTÁRIO

Insira seu comentário
Por favor digite seu nome