Bruno Maia lança EP “Vertente” com protagonismo da viola caipira

O novo trabalho de Bruno Maia com o projeto Braia, é o EP “Vertente” que tem a viola caipira de 10 cordas como protagonista.

Bruno Maia, um dos mais respeitados e reconhecidos artistas brasileiros de Heavy Metal, lançou o novo EP de seu projeto paralelo, o Braia. Explorando sonoridades que fogem ao foco de sua banda principal, no Braia, Bruno Maia explora seu talento em outras vertentes da música, através de diferentes instrumentos e com uma liberdade artística que mergulha nas suas influências da música celta e brasileira. Em “Vertente”, o novo EP do Braia, a viola caipira de 10 cordas é a protagonista.

Publicidade

Bruno Maia
Bruno Maia | Imagem de divulgação

Venho experimentado muito com a viola caipira e sou um maravilhado pelo instrumento e sua riqueza. Mesmo não sendo um violeiro raiz, me inspira muito explorar as muitas possibilidades e horizontes que este instrumento me oferece“, confessa o artista.

Bruno também comenta o desafio de gravar as quatro faixas presentes neste EP: “Se enganam aqueles que têm a viola como um instrumento que representa apenas a tradição, o antigo e algo cristalizado. Pelo contrário, por ser tão ligada ao popular e ao tradicional, este instrumento é um saber muito dinâmico e que com seu manuseio dia a dia por novos agentes e gerações sempre tem seus idiomas e linguagens reelaborados e remodelados dia sim, dia também. A viola de 10 cordas é um instrumento quase sempre associado à música caipira (Por isso mesmo é também conhecida como Viola Caipira) e é uma grata surpresa vê-la soar outras sonoridades“.

Ouça o EP abaixo:

As quatro faixas presentes em “Vertente” farão parte do terceiro álbum completo de estúdio do Braia, a ser lançado em 2024. O EP tem composição e produção do próprio Bruno Maia, no Braia Studios, em Varginha-MG.

Braia

O Braia nasceu no ano de 2006 quando o músico, produtor musical e multi instrumentista mineiro, Bruno Maia, resolveu tocar um projeto paralelo a sua banda principal, o Tuatha de Danann. Com o Tuatha, Bruno já havia explorado muitas possibilidades musicais dentro do Rock e Heavy Metal, mesclando-o com outra de suas maiores inspirações artísticas: a música celta. Com a nova banda, batizada Braia, o músico sondou outras influências na música brasileira, no clube da esquina e no rock progressivo, além de aprofundar ainda mais na seara musical celta, principalmente a de origem irlandesa. Com o Braia, Bruno já lançou os álbuns “Braia …E o Mundo de lá” de 2007, e “Braia …E o Mundo de Cá”, de 2021.

Publicidade

Conheça um pouco mais sobre o EP e o conceito de cada uma das composições no site oficial do braia neste link.

O projeto “Vertente” tem a realização de Bruno Leite Russi Maia, com os recursos da Lei Municipal de Incentivo à Cultura, viabilizada pela Prefeitura Municipal de Varginha e Fundação Cultural de Varginha.