Capitã Bianca assume o comando da 55ª CIA da Polícia Militar

Capitã Bianca
Foto: Varginha Digital

A Capitã Bianca é a primeira mulher a assumir o cargo na história da 55ª Cia da PM.

Desde o dia 15 de janeiro a 55ª Cia da Polícia Militar está sob comando novo. A Capitã Bianca Grossi Silveira Campos Pinto está a frente do destacamento que atende também as cidades de Carmo da Cachoeira, Elói Mendes e Monsenhor Paulo.

Em entrevista exclusiva para o Varginha Digital a capitã conta um pouco da sua trajetória, expectativas e desafios desta nova etapa.

Capitã Bianca durante a entrevista exclusiva para o Varginha Digital.

Ela é a primeira oficial mulher a ocupar o cargo nos 25 anos da corporação. A policial militar é de Barbacena e foi transferida para Varginha em 2004 como Tenente e foi Comandante de Pelotão.

Já foi ainda chefe da sessão de logística, da comunicação institucional, de recursos humanos e de planejamento operacional. “Este ano tive a oportunidade de vir comandar a companhia. Foi um pedido meu. A companhia é excelente e a cidade é muito boa de trabalhar. Essa área de trabalhar diretamente com a comunidade, atendendo as demandas é muito boa”, conta a Capitã Bianca.

Em seu novo desafio, a Capitã Bianca quer ampliar os programas já existentes na cidade como GEPAR, Patrulha de Prevenção à Violência Doméstica, PROERD, Patrulha Escolar, Base Comunitária Móvel, além das redes de proteção de vizinhos, escolas e comerciantes.

“Meu maior desafio é gerenciar todos os recursos e a equipe 55ª Cia. Não conseguimos repor o número de militares que se aposentam, ou seja, o efetivo não aumenta. Por isso precisamos de estratégias para mantermos o atendimento às demandas da população”, conclui a Capitã Bianca.

Conheça melhor cada um dos programas da Polícia Militar implantados em Varginha

GEPAR

Em Varginha a Polícia Militar identificou bairros com potenciais áreas de risco e agiu preventivamente, implantando o GEPAR nos bairros Carvalhos, Novo Tempo e Cruzeiro do Sul.

O trabalho da equipe visa atuar na mobilização social, prevenção e repressão qualificada aos crimes violentos, visando resgatar a dignidade e tranquilidade dos moradores.

PROERD

O Programa Educacional de Resistência às Drogas (Proerd) consiste num esforço cooperativo estabelecido entre a Polícia Militar, a Escola e a Família.

Os objetivos específicos do programa incluem: 

  • Desenvolver nos jovens estudantes habilidades que lhes permitam evitar influências negativas em questões afetas às drogas e violência, promovendo os fatores de proteção.
  • Estabelecer relações positivas entre alunos e policiais militares, professores, pais, responsáveis legais e outros líderes da comunidade escolar.
  • Permitir aos estudantes enxergarem os policiais militares como servidores, transcendendo a atividade de policiamento tradicional e estabelecendo um relacionamento fundamentado na confiança e humanização.
  • Estabelecer uma linha de comunicação entre a Polícia Militar e os jovens estudantes.
  • Abrir um diálogo permanente entre a “Escola, a Polícia Militar e a Família”, para discutir questões correlatas à formação cidadã de crianças e adolescentes.

Patrulha Escolar

A Patrulha Escolar tem como missão fazer o patrulhamento nas escolas municipais, estaduais e particulares, visita e contato com pais, professores, diretores, funcionários e alunos.

Também faz policiamento especial em eventos relacionados a atividade escolar e da apoio eventual nas ocorrências de destaque.

Patrulha de Prevenção à Violência Doméstica

Recém implantada em Varginha, a Patrulha de Prevenção à Violência Doméstica trabalha com dois policiais qualificados que atuam exclusivamente na atenção às famílias e prevenção da violência doméstica.

Após a implantação da patrulha o número de casos de violência doméstica caíram em Varginha. Confira mais nesta matéria, clicando no link aqui.

Furto de carros

A Capitã Bianca também destacou, durante a entrevista, o trabalho intenso da Polícia Militar na recuperação de carros furtados em toda a área de atuação do 24º BPM.

História do 24º Batalhão da Polícia Militar de Varginha

Em Varginha, na década de 70, antes da criação do atual 24º BPM, existia um pequeno destacamento policial militar, comandado por sargentos PM e sediado ao lado da antiga cadeia pública. Ainda na década de 70, o destacamento passou a ser denominado Contingente Policial, sob o comando de um Oficial.

Em 1987, Varginha inaugurou a 2ª Companhia PM, ocupando então as instalações da “Mansão Santo Antônio”, no bairro de Fátima, que posteriormente foi denominada 55ª Companhia PM. Em 1989, em decorrência das demandas operacionais, a 55ª Cia PM foi transformada em 55ª Cia PM Especial, sob o comando de um major PM.

Em 1992, com seu desenvolvimento e sua constante ascensão no cenário estadual, como pólo centralizador de uma economia sólida e geradora de riquezas e bens, Varginha recebeu a notícia da elevação da 55ª Cia PM Especial à categoria de Companhia Independente PM (4ª Cia Ind), com autonomia plena, deixando de pertencer ao 8º Batalhão com sede em Lavras.

Assim, o atual Quartel foi inaugurado no dia 11 de janeiro de 1992 e denominou-se Taylor Carvalho Silva, homenageando um dos dois filhos do então prefeito Antônio Silva, morto acidentalmente. Em 26 de maio de 1993, foi extinta a 4ª Cia PM Independente e criado o 24º Batalhão da Polícia Militar, para melhor suprir a demanda de segurança pública da comunidade de Varginha e região. A definitiva instalação ocorreu, porém, no dia 28 de abril de 1995.

A Unidade era responsável na época por 18 municípios, divididos em três companhias operacionais, 13 pelotões e 11 destacamentos PM.

Após diversas mudanças na articulação da Corporação e no próprio desenvolvimento da cidade de Varginha e de suas circunscrições, ocorreram modificações também na área do 24º BPM. Atualmente a Unidade abrange uma área de 4.959km2, é responsável por 10 municípios e uma população de 322.538 habitantes, sob o comando do Ten Cel Marcos Serpa de Oliveira .

São 23 anos de trabalho incessante pela promoção da paz e garantia de direitos, acompanhando os passos vitoriosos de Varginha e região.

Para melhor atendimento à população varginhense, desde o ano de 2002 o policiamento da cidade foi setorizado e atualmente conta com 04 (quatro) setores, sendo que cada setor apresenta um Oficial em seu comando. A setorização visa aumentar à aproximação da Polícia Militar com a comunidade, atribuindo a responsabilidade sobre a identificação e a resolução dos problemas de determinadas regiões da cidade a um efetivo policial específico, permitindo que cada policial militar conheça as particularidades dos locais e das pessoas envolvidos na sua área de atuação.

Dessa forma, para atender à crescente demanda operacional, a Polícia Militar vem desenvolvendo novas técnicas de policiamento, de forma a empregar o efetivo policial por meio de escalas inteligentes e do monitoramento científico dos índices criminais, buscando a sua efetiva redução.

Voltar para a Página Inicial | Curta o Varginha Digital no Facebook

DEIXE UM COMENTÁRIO

Insira seu comentário
Por favor digite seu nome