Copasa responde ofício da Prefeitura em relação à falta de água na cidade

Publicidade

Veja na íntegra o ofício da Copasa que responde à solicitação de informações feita pela Prefeitura de Varginha.

Em atenção ao ofício encaminhado à Copasa pelo Prefeito em exercício Leonardo Ciacci, por meio do qual solicitou informações das medidas tomadas pela empresa para que problemas como o ocorrido no final no final de semana, quando mais de 90 bairros da cidade ficaram sem de água não mais ocorram, a Copasa enviou resposta à Prefeitura que foi entregue em mãos pelo responsável da Gerência Regional de Varginha, Marco Aurélio Ribeiro, conforme segue:

Excelentíssimo Senhor
Leonardo Vinhas Ciacci
Prefeito em Exercício
Prefeitura Municipal
Varginha – MG
Referência / Assunto: Ofício 226 / Requer esclarecimentos e providências.
Senhor Prefeito em Exercício,

Publicidade

Em atenção ao assunto em referência, informamos à Vossa Excelência que devido às quedas de energia elétrica, por parte da CEMIG, o sistema de abastecimento de água do Município de Varginha foi comprometido nos últimos dias.
Esclarecemos, que no dia 17/11/2023, por volta de 17h00 houve queda de energia elétrica na Estação Elevatória de Água Bruta do Bairro Juriti – Rio Verde, retornando no dia 18/11/2023 por volta de 15h00, totalizando 22 horas de paralisação, e o abastecimento normalizado, de forma gradativa, na manhã do dia 19/11/2023. Porém, no mesmo dia, 19/11/2023, por volta de 17h40, a falta de energia elétrica ocorreu na Estação Elevatória de Água Bruta do Bairro da Vargem – Ribeirão Santana e o fornecimento de energia elétrica retornou no dia 20/11/2023 às 11h45, totalizando 18 horas de paralisação.
Vários protocolos foram abertos junto à concessionária de energia elétrica e conforme Plano de Emergência e Contingência da COPASA, com validade até 08/2024, atendendo ao Item Interrupção de Energia Elétrica, de imediato a Companhia disponibilizou à população e às redes sociais cards com informações sobre o desabastecimento, bem como técnicos da Companhia se mobilizaram para providenciar manobras operacionais nas redes de distribuição de água, a fim de minimizar os impactos do desabastecimento, providenciou caminhão pipa para atendimentos emergenciais e instalou grupo gerador de energia na Captação da Vargem.
Considerando, que não houve, anteriormente, registros em nossos controles de falta de energia elétrica por tanto tempo, a COPASA se compromete a tomar as seguintes ações:
Medidas de curto prazo:

  • Agendar reunião com a CEMIG, em caráter prioritário, para melhoria do fornecimento de energia elétrica e solicitar priorização no atendimento às manutenções operacionais, no caso de interrupção do sistema elétrico que alimenta as unidades de produção, tratamento e distribuição de água da COPASA. Verificar a possibilidade de alternar a rede elétrica, nos casos de interrupção da linha que alimenta a unidade atualmente;
  • Interligar reservatório de 500.000 litros, implantado no Bairro Porto Príncipe, atendendo inclusive os bairros adjacentes, com prazo previsto até o dia 10/12/2023;
  • Iniciar as obras de implantação de um reservatório, com capacidade de 1.000.000 litros, permitindo aumento da capacidade de reservação e diminuindo os impactos nas ocorrências de paralização do sistema de produção, com prazo previsto para início de 2024;
  • Manter instalado definitivamente, os geradores de energia elétrica da captação de água bruta no Ribeirão Santana, localizada no Bairro da Vargem e na Estação de Tratamento de Água localizada no Alto do Tide, em frente ao Memorial do ET, responsável pelo abastecimento de água de 35% dos bairros do Município de Varginha.
    Medidas de médio prazo:
  • Elaborar estudos e projetos de viabilidade técnica e de segurança, para implantação de usina de grupos geradores de energia elétrica, para atendimento emergencial na ocorrência de interrupção do fornecimento de energia elétrica, para atendimento a captação de água bruta Juriti, no Rio Verde e Estação de Tratamento de Água Rio Verde, localizada em frente ao Batalhão da Polícia Militar, responsável pelo abastecimento de água de 65% da população dos bairros do Município de Varginha, após aprovação da CEMIG, com prazo estimado em 6 meses.
    Informamos ainda, que na data de hoje, 21/11/2023, o abastecimento de água está normalizado. Contudo, considerando que a recuperação de reservatórios e de caixas de água demanda tempo, em função de volume de água, algumas regiões ainda podem apresentar intermitências nesta manhã e situações pontuais de desabastecimento estão sendo verificadas pelos técnicos para auxiliar na recuperação do fornecimento de água o mais breve possível.
    Reafirmamos o compromisso da COPASA com o Município de Varginha, destacando a sua dedicação em garantir serviços com qualidade e reforçamos que se tratou de situações pontuais e emergenciais, que receberam toda a atenção da Companhia para serem solucionadas o mais breve possível.
    Sem mais para o momento colocamo-nos à disposição para quaisquer esclarecimentos adicionais que se fizerem necessários.
    Respeitosamente,

Marco Aurélio Ribeiro
Gerência Regional Varginha – GRVR

Luiz Eduardo Carvalho Gomes
Unidade de Negócio Sul – UNSL
Av. Maria Paiva Pinto, 100, bairro Vila Paiva, Varginha – MG – CEP

Publicidade