Governo de Minas paga Auxílio Emergencial a famílias que regularizaram o cadastro

Publicidade

Os recursos do auxílio emergencial buscam minimizar os impactos da pandemia entre as famílias em situação de vulnerabilidade em Minas.

Governo de Minas segue realizando o pagamento do Auxílio Emergencial Mineiro às famílias que não receberam o benefício na data programada por inconsistência nos dados cadastrais. Nesta segunda-feira (10/1), mais 6 mil beneficiários que tiveram os dados regularizados receberão, em parcela única, os R$ 600,00 referentes ao programa que visa minimizar os impactos da pandemia no público de maior vulnerabilidade social.

É importante ressaltar que este pagamento não representa uma nova parcela, mas sim que o benefício será creditado nas contas das famílias elegíveis ao auxílio que não tiveram o o recurso depositado em outubro devido a problemas cadastrais.

No fim de dezembro, a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Sedese), em parceria com as gestões municipais, recebeu mais de 1.600 dados de beneficiários faltantes. Com eles, foi possível completar a situação cadastral dos assistidos e enviar os dados para a Caixa Econômica Federal realizar a abertura de contas. Neste período, muitos beneficiários conseguiram regularizar o CPF na Receita Federal e poderão receber o Auxílio Emergencial Mineiro.


Veja mais notícias no Varginha Digital

Publicidade

Siga-nos no Google News

Participe dos Grupos do WhatsApp e receba as novidades!

Varginha Digital
Notícias de Varginha e do sul de Minas direto no seu celular.

Se você encontrou alguma imagem ou texto em que os direitos autorais não foram creditados, por favor, entre em contato conosco para efetuarmos a correção.

Publicidade

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui