Prova de vida do INSS volta a valer a partir de junho

Publicidade

Quem deixar de realizar a prova de vida poderá ter o benefício cortado.

Os aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) devem ficar atentos porque a prova de vida voltará a ser exigida a partir de junho de 2021.

Quem deixar de realizar a prova de vida poderá ter o benefício cortado. A exigência estava suspensa desde março de 2020, por causa da pandemia de Covid-19.

Em maio, ocorrerá o bloqueio de 160 mil beneficiários que deveriam ter feito a prova de vida em fevereiro de 2020, antes do início da pandemia. Estes devem ir à agência regularizar a situação. De março de 2020 em diante, os prazos serão retomados de forma gradual, para evitar aglomerações nas agências bancárias.

Veja o calendário de transição para a prova de vida para os segurados do INSS:

Publicidade
Calendário de novos prazos para Prova de Vida.

Comprovação Digital

Os beneficiários escolhidos para a comprovação digital por reconhecimento facial e que não fizeram o procedimento no aplicativo Meu Gov.br terão o benefício cortado neste mês.

Neste caso, o desbloqueio do pagamento poderá ser feito por reconhecimento facial no próprio aplicativo. Segundo o INSS, cerca de 340 mil pessoas selecionadas que fizeram a prova de vida digital nos últimos meses não correm o risco de ter o benefício bloqueado.

Com informações Agência Brasil.


Veja também

Siga-nos no Google News

Se você encontrou alguma imagem ou texto em que os direitos autorais não foram creditados, por favor, entre em contato conosco para efetuarmos a correção.

Varginha Digital
Notícias de Varginha e do sul de Minas direto no seu celular.
Varginha em um clique!

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui