Bolsonaro sanciona lei que dá direito ao auxílio para trabalhadores informais

Salário
Foto: divulgação

Ainda não há data para iniciar o pagamento do auxílio.

A lei, que estabelece um auxílio de R$ 600 mensais, por três meses a trabalhadores informais, foi sancionada nesta quarta-feira, 1, pelo presidente Jair Bolsonaro. A medida foi publicada no “Diário Oficial da União” no início da manhã desta quinta-feira (2).

O auxílio vai beneficiar 54 milhões de pessoas, com custo aproximado de R$ 98 bilhões. O governo ainda não anunciou o calendário oficial de pagamento.

Quem pode receber o benefício

novo_auxílio_emergencial666666666.jpg

Prioridades para recebimento

O ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, informou que trabalhadores informais que recebem o Bolsa Família, e aqueles que estão no Cadastro Único, devem ser os primeiros a receber o auxílio.

O benefício não será acumulado. Se o pagamento de R$ 600 for mais vantajoso, haverá uma substituição automática e o trabalhador informal receberá apenas esse auxílio temporário. Ao fim desse período, se continuar atendendo aos critérios, ele volta a receber o Bolsa Família.

Trabalhadores informais que não constam em nenhum cadastro do governo devem ficar por último no cronograma de pagamento, que ainda não tem data para começar a ser feito.

Com informações Senado Federal e G1.

Curta o Varginha Digital no Facebook e fique por dentro das melhores notícias de Varginha e Região. Varginha em um clique!

DEIXE UM COMENTÁRIO

Insira seu comentário
Por favor digite seu nome