Conta de luz vai ficar mais cara: veja de quanto será o reajuste

Conta
Foto ilustrativa.

O aumento na conta de luz foi divulgado pela Aneel.

Péssima notícia nesta terca-feira, 21. A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) anunciou o reajuste de 6,93% na conta de luz dos clientes residenciais da Cemig. O aumento começa vigorar a partir da próxima terça-feira (28/5).

A Cemig explica que a definição das tarifas das distribuidoras, bem como os processos de reajustes tarifários anuais e revisões tarifárias, são gerenciados pela Aneel.

De acordo com a Cemig o que mais influenciou a decisão da Aneel para esse aumento foi a escassez de chuvas do ano passado. Com isso as usinas termelétricas, que são mais caras para produzir energia, foram acionadas durante quase todo o segundo semestre.

Composição da tarifa

Do valor cobrado na tarifa, 22% ficam na Cemig Distribuição, 78% são utilizados para cobrir encargos setoriais, sendo:

  • 13% encargos setoriais
  • 30% vão para tributos
  • 29% vão para a energia comprada
  • 6% para encargos de transmissão.

O consumidor vai perceber o reajuste total a partir da fatura de junho. “As datas de leitura das contas de energia são distribuídas ao longo do mês. Assim, em junho, os consumidores pagarão uma parte do consumo ocorrido antes de 28 de maio, ainda conforme a tarifa antiga, e a outra parcela do consumo já com o reajuste da tarifa”, explica Giordano Bruno Braz de Pinho Matos.

Voltar para a Página Inicial | Curta o Varginha Digital no Facebook

DEIXE UM COMENTÁRIO

Insira seu comentário
Por favor digite seu nome