Em um ano o litro da gasolina subiu 30% no Brasil

combustível

O aumento da gasolina é resultado da política de preços da Petrobrás

Dados divulgados pela ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis) mostram que pouco mais de um ano após a adoção da nova política da Petrobras, o preço médio pago pelo litro da gasolina subiu 28,9%. De 3 de julho de 2017 a 21 de julho de 2018 o litro de gasolina passou de R$ 3,489 para R$ 4,50 em média.

Com a alta registrada durante este período o proprietário de um veículo movido a gasolina com tanque de 50 litros passou a pagar, em média, R$ 50,55 a mais pela mesma quantidade de combustível para encher o tanque.

O aumento no preço da gasolina também foi registrado pelo IPCA-15 (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo 15) de julho, que aponta que o valor cobrado pelo combustível saltou 31,18% nos últimos 12 meses.

Diesel e gás de cozinha

De acordo com a ANP o gás de cozinha (GLP – Gás Liquefeito de Petróleo), ficou 19,18% mais caro ao longo do último ano, ou seja,  um botijão com 13 kg do líquido era vendido por, em média, R$ 57,62 há pouco mais de um ano atualmente custa cerca de R$ 68,68.

Já em relação ao diesel, a alta registrada no preço médio do combustível no período foi de 17,46%, ao passar de R$ 2,948 para R$ 3,463. Para as distribuidoras, a variação do valor do líquido foi ainda mais salgada, de 24,54%.

Confira mais Notícias.

Acompanhe as notícias também pelo Facebook e Instagram do Varginha Digital.

Gostaria de receber as notícias do Varginha Digital no seu Whatsapp?

Envie uma mensagem para (35) 9 9130-0597 ou clique neste link.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Insira seu comentário
Por favor digite seu nome