‘Flurona’: Minas Gerais tem 14 casos de Covid e gripe confirmados

Publicidade

Nenhum paciente com morreu devido a coinfecção “Fluorona”no Estado.

Minas Gerais tem 14 casos confirmados de “flurona”, quando o paciente tem coinfecção pelo Influenza e pelo coronavírus ao mesmo tempo. A informação é da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) e contabilizou os casos até essa terça-feira, 11 de janeiro. Nenhum paciente com morreu devido a coinfecção no Estado.

Até então, foram cinco casos em Juiz de Fora e dois em Poço Fundo. Araxá, Ipatinga, itamonte, Monte Carmelo, São Lourenço e Uberlândia registraram um caso cada. A capital Belo Horizonte confirmou seu primeiro caso nessa terça, em um homem de 60 anos que já se curou.

Apesar dos casos simultâneos de Covid-19 e de gripe estarem em evidência por causa da alta circulação dois vírus, não é incomum que haja infecções por duas doenças ao mesmo tempo. “Antes da pandemia de covid-19, não era raro haver a detecção laboratorial simultânea do Influenza e outros vírus respiratórios (vírus sincicial, rinovírus, dentre outros), conforme observado na rotina da Vigilância Sentinela da Síndrome Gripal (SG)”, explica SES, por meio de nota.

Não há evidências de que a combinação de Covid-19 e gripe causada por Influenza levem a quadros mais graves. Porém, os médicos recomendam cuidado reforçado, com grupos mais suscetíveis ao agravamento das duas doenças, como idosos e pessoas com imunossupressão.

Publicidade

As formas de prevenção para as duas doenças é a mesma: uso de máscara bem-ajustada ao rosto, higienização das mãos, evitar aglomerações e privilegiar locais abertos e arejados.

Receba as notícias no seu e-mail

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui