Gestantes, puérperas e lactantes sem comorbidades poderão ser vacinadas contra a Covid-19 em Minas

Publicidade

As gestantes, puérperas e lactantes já poderão ser vacinadas a partir do próximo lote de imunizantes.

O Governo de Minas Gerais anunciou que Gestantes, puérperas e lactantes sem comorbidades estarão incluídas entre os públicos prioritários para serem imunizadas já no próximo lote de vacinas.

A inclusão de grávidas, puérperas e lactantes que não possuem comorbidades entre os próximos grupos prioritários foi aprovada pela Comissão Intergestores Bipartite (CIB), da Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais.

“Estas mulheres, neste momento especial de suas vidas, passam a ser incluídas como grupos prioritários. Mesmo aquelas que não tiverem problemas de saúde podem se vacinar. Este é um público em que tem sido constatado aumentado na mortalidade e letalidade pelo coronavírus”, explica o secretário de Estado de Saúde de Minas Gerais, Fábio Baccheretti. 

Os imunizantes utilizados para este grupo não devem conter vetor viral por medida de segurança. Desta forma, segundo Baccheretti, assim que novas remessas da Pfizer e da CoronaVac forem destinadas ao estado, estas mulheres poderão ser imunizadas.

Publicidade

Pesou na decisão o alto número contamidadas e de mortes por Covid-19 neste grupo. De acordo com o notificado à SES/MG por meio do e-SUS, SIVEP-Gripe, CIEVS e pelos laboratórios e farmácias privadas, o número total de gestantes contaminados pela Covid-19, até a data de 26 abril de 2021, foi de 2.662 mulheres. Dessas, 84 morreram


Veja também

Siga-nos no Google News

Se você encontrou alguma imagem ou texto em que os direitos autorais não foram creditados, por favor, entre em contato conosco para efetuarmos a correção.

Varginha Digital
Notícias de Varginha e do sul de Minas direto no seu celular.
Varginha em um clique!

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui