Greve dos caminhoneiros é suspensa, mas Sindtanque não descarta retomada

Caminhoneiros
Motoristas de caminhões tanque vão até à Cidade Administrativa na sexa-feira (26) para uma manifestação. Foto: Uarlen Valério / O Tempo
Publicidade

O Sindtanque, que suspendeu a greve dos caminhoneiros, deve se reunir com o executivo nos próximos dias.

A greve dos  caminhoneiros transportadores de combustíveis foi suspensa na noite de sexta-feira, 26, mas Sindicato das Empresas Transportadoras de Combustíveis e Derivados de Petróleo do Estado de Minas Gerais (Sindtanque-MG) não descarta retomar a paralisação, caso não chegue em acordo com o governo estadual nos próximos dias.

Uma reunião do Executivo com os grevistas está prevista para esta semana, mas até então não ficou definida uma data. 

Publicidade

O sindicato pede redução da alíquota do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) sobre o diesel de 15% para 12%. Do lado do governo, Zema já afirmou que não será possível essa redução devido a situação fiscal do Estado, mas os termos da negociação com os caminhoneiros ainda serão discutidos por um grupo de trabalho formado por membros do governo e dos manifestantes.

Filas nos postos

Na sexta-feira, 26, os postos de combustíveis de Varginha registraram longas filas, formadas por motoristas que temiam ficar com o tanque seco. A grande demanda causou desabastecimento em alguns postos.

Com a greve suspensa na noite de sexta, o fornecimento de combustíveis aos postos do Estado retornou a normalidade ao longo deste domingo, conforme previsão do Sindicato do Comércio Varejista de Derivados do Petróleo do Estado de Minas Gerais (Minaspetro).


Veja também

Siga-nos nas Redes Sociais

Novos Caminhos: plataforma oferecerá curso de especialização para professores

Se você encontrou alguma imagem ou texto em que os direitos autorais não foram creditados, por favor, entre em contato conosco para efetuarmos a correção.

Varginha Digital
Notícias de Varginha e do sul de Minas direto no seu celular.
Varginha em um clique!


Publicidade

DEIXE UM COMENTÁRIO

Insira seu comentário
Por favor digite seu nome