Minas Gerais registra crescimento dos casos de dengue em todo o Estado

Dengue
Foto ilustrativa

Além dos casos de dengue, há registros de casos de zika e febre chikungunya

Em meio a pandemia de coronavírus, o combate a outras doenças acaba sendo esquecido, como é o caso da dengue, zika e febre chikungunya.

Somente em Minas Gerais foram registrados 35.639 casos de dengue, de acordo com o Boletim Epidemiológico, divulgado semanalmente. Em comparação ao levantamento da  semana passada, houve aumento de 4.910 diagnósticos no Estado.

Em relação à zika, foram registrados 244 casos prováveis, sendo 26 em gestantes. Em comparação ao último balanço, há 38 novos registros prováveis.

Com relação à febre chikungunya, também causada pela picada do mosquito Aedes Aegypti, foram registrados 646 casos até o momento. São 82 novos registros em comparação ao balanço da semana passada. 

A informação é do último boletim epidemiológico, divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde-MG, na terça-feira, 24, que pode ser acessado neste link.

Na região de Varginha

Na Regional de Saúde de Varginha, que abrange 50 cidades, foram registrados 219 casos prováveis de dengue nas últimas quatro semanas e 1 caso de chikungunya (em Caxambu). Neste período não foram registrados casos prováveis de zika.

Os casos prováveis de dengue foram na seguintes cidades:

Baependi – 62 casos prováveis
Ribeirão Vermelho – 40 casos prováveis
São Lourenço – 22 casos prováveis
Passa Quatro – 16 casos prováveis
Caxambu – 10 casos prováveis
Boa Esperança – 8 casos prováveis
Itamonte – 8 casos prováveis
Três Pontas – 8 casos prováveis
Lavras – 6 casos prováveis
Nepomuceno – 6 casos prováveis
Ilicínea – 5 casos prováveis
Varginha – 4 casos prováveis
Itanhandu – 3 casos prováveis
Perdões – 3 casos prováveis
Santana da Vargem – 3 casos prováveis
São Gonçalo do Sapucaí – 3 casos prováveis
Ijaci – 2 casos prováveis
Monsenhor Paulo – 2 casos prováveis
Campanha – 2 casos prováveis
Carmo de Minas – 1 caso provável
Cordislândia – 1 caso provável
Cristina – 1 caso provável
Cruzília – 1 caso provável
São Sebastião do Rio Verde – 1 caso provável
Três Corações – 1 caso provável

Como prevenir a proliferação do mosquito Aedes Aegypti ?

A melhor forma de prevenção da dengue é evitar a proliferação do mosquito Aedes Aegypti, eliminando água armazenada que podem se tornar possíveis criadouros, como:

  • vasos de plantas
  • latões de água
  • pneus, garrafas plásticas
  • piscinas sem uso e sem manutenção
  • até mesmo em recipientes pequenos, como tampas de garrafas.
Cuidados para prevenir a dengue
Fonte: Ministério da Saúde

Com informações Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Varginha.

Curta o Varginha Digital no Facebook e fique por dentro das melhores notícias de Varginha e Região. Varginha em um clique!

DEIXE UM COMENTÁRIO

Insira seu comentário
Por favor digite seu nome