Academia Varginhense de Letras, Artes e Ciências empossa dois novos membros

Publicidade

A cerimônia de posse dos novos membros da Academia Varginhense de Letras, contou com a presença de acadêmicos, autoridades, familiares e representantes do setor artístico e cultural de Varginha.

Em cerimônia realizada na noite desta quinta-feira (24/02), a Academia Varginhense de Letras, Artes e Ciências (AVLAC) empossou dois novos membros, a educadora Vânia de Fátima Flores Paiva e o defensor público Rodrigo Murad do Prado.

A solenidade de posse dos novos acadêmicos foi conduzida pelo presidente da AVLAC, Leandro Rabelo Acayaba de Rezende, e aconteceu no Plenário Jacy de Figueiredo da Câmara Municipal de Varginha.

Vânia Flores passa a ocupar a cadeira nº 25, que pertencia à professora Adriene Diniz Valim. Já a cadeira 21, pertencente ao ex-prefeito Wladimir Rezende Pinto, passa a ser ocupada por Rodrigo Murad.

Para Leandro Acayaba, “a posse dos dois novos confrades, que possuem forte atuação nas letras, artes e ciências, demonstra a renovação constante da Academia e também o quanto Varginha possui profissionais competentes e compromissados com o desenvolvimento cultural do município”.

A cerimônia contou com a presença de acadêmicos, autoridades, familiares e representantes do setor artístico e cultural de Varginha. Dentre as autoridades, destaca-se a participação do vice-prefeito Leonardo Ciacci; do diretor-superintendente da Fundação Cultural, Marco Aurélio da Costa Benfica; da secretária municipal de Educação, Gleicione Aparecida Dias Bagne de Souza; e do secretário municipal de Governo, Carlos Honório Ottoni Júnior.

A AVLAC, fundada em 21 de fevereiro de 1960, é uma associação cultural da sociedade civil, sem fins lucrativos, composta por quarenta cadeiras, cuja finalidade principal é preservar, promover, incentivar e divulgar atividades culturais, artísticas, literárias e científicas, cultivando a norma culta da Língua Portuguesa.

Perfil dos acadêmicos

Vânia de Fátima Flores Paiva: graduada em Pedagogia com habilitação em Supervisão Escolar e Administração Escolar, mestre em Educação pela Universidade Federal de Lavras, especialista com Pós-Graduação em Educação Empreendedora e em Metodologias Ativas.

Foi Diretora da Escola Municipal Luiz de Melo Viana Sobrinho (1997-2009), Diretora do Departamento Geral de Ensino da Secretaria Municipal de Educação (2013-2018). Esteve como Presidente do Centro de Desenvolvimento da Criança e do Adolescente do município de Varginha (CDCA) na gestão 2013 a 2016 e Presidente da Associação dos Servidores Municipais de Varginha (ASSP), de 2012 a 2015.

Atualmente, é coordenadora pedagógica na Secretaria Municipal de Educação de Varginha e docente no Centro Universitário do Sul de Minas – UNIS Varginha, no curso de Pedagogia. Desenvolve pesquisas sobre as temáticas relacionadas às metodologias ativas, uso pedagógico das tecnologias educacionais, gestão escolar e formação docente. Possui capítulos de livros e artigos completos publicados em periódicos especializados em educação. É certificada pelos programas internacionais Google Trainer e Google Innovator, desenvolvendo trabalhos de formação docente para o uso de tecnologias digitais educacionais.

Rodrigo Murad do Prado: doutorando em Direito Penal pela Universidad de Buenos Aires na República Argentina. Possui o título de Mestre em Direito na área “Acesso à Justiça e Direito Processual”. É pós-graduado em Criminologia, Política Criminal e Segurança Pública pela Uniderp (2014). Pós-graduado em Direito Constitucional (2020). Pós-Graduado em Direito Privado pela Universidade do Grande Rio – UniGrario (2005). Pós-graduado em Direito de Família e Sucessões (2019). Possui graduação em Direito pela Faculdade de Direito de Varginha (2003).

Defensor Público do Estado de Minas Gerais. Foi membro eleito do Conselho Superior da Defensoria Pública do Estado de Minas Gerais para o biênio 2011 a 2013. É coordenador adjunto do IBCCRIM – Instituto brasileiro de ciências criminais em Minas Gerais biênio 2021 -2022. Participou como representante brasileiro do Programa de Intercâmbio de Defensores Públicos dos países integrantes do Bloco de Defensores Públicos Oficiais do Mercosul – Paraguai (2011).

Fez parte da Câmara de Estudos de Direito Penal e Processual Penal da Defensoria Pública do Estado de Minas Gerais biênio 2017 a 2018. Foi membro da Câmara de Estudos de Execução Penal da Defensoria Pública do Estado de Minas Gerais no biênio 2018 a 2020. Foi membro da Câmara de Estudos de Ciências Criminais da DPMG (2018). É acadêmico na Academia Varginhense de Letras, Artes e Ciências (AVLAC). Foi professor de Direito Penal III e IV da Faculdade de Direito de Varginha-MG (FADIVA) de 2013 a 2019. Foi professor titular das disciplinas Direito Penal I e Direito Processual Penal da Faculdade de Direito da Faculdade Cenecista de Varginha – MG credenciada pela CNEC – Brasília – DF e reconhecida pelo Ministério da Educação. Foi professor das disciplinas Direito da Criança, do Adolescente e do Idoso, Direito Penal I e III, da Universidade Vale do Rio Verde nos idos de 2005 a 2007. Também foi Professor titular da cadeira de Direito e Legislação Social do Curso de Ciências Sociais da Universidade Vale do Rio Verde em Três Corações-MG nos idos de 2007.

Articulista da Revista Forense e de diversas outras. É membro da Comissão de Defesa e Proteção do Consumidor do Ministério da Justiça. Autor dos livros “Fundamentos do Direito Penal Mínimo: uma abordagem criminológica” pela Editora Tirant lo Blanch; “A participação popular no controle abstrato de constitucionalidade: amigo da corte” pela Editora SAFE; “Elementos Estruturantes do Direito Constitucional” – Editora Lumen Juris e da obra Teorias da Conduta no Direito Penal: um estudo simplificado – Lumen Juris. Traduziu para o português diversas obras, dentre elas “Doutrina Penal Nazista: a dogmática alemã entre 1933 a 1945, do autor professor Eugenio Raúl Zaffaroni pela Editora Tirant lo Blanch, 2019”, “A Nova Crítica Criminológica: Criminologia em tempos de totalitarismo financeiro, dos autores Eugenio Raúl Zaffaroni e Ílison Dias, pela Editora Tirant lo Blanch, 2020”, “Dogmática Penal e Criminologia Cautelar, dos autores Matias Bailone e Eugenio Raul Zaffaroni, pela Editora Tirant lo Blanch, 2021”, “Direito Penal Humano e Poder no Século XXI, de Eugenio Raúl Zaffaroni, pela Editora Tirant lo Blanch, 2021”, “Bem-vindos ao Lawfare! Manual de Passos Básicos Para Demolir o Direito Penal, de autoria de Eugenio Raúl Zaffaroni, Cristina Caamaño, Valeria Vegh Weis, pela Editora Tirant lo Blanch, 2021” e “Beccaria e o Direito Penal de Hoje, de autoria de Javier Llobet Rodrígues, publicado pela Tirant lo Blanch, 2021”.

Palestrante e congressista na área dos Direitos Humanos, Direito Penal e da Criminologia. Recebeu o título de cidadão honorário do Município de Três Pontas-MG em 12/03/2012. Recebeu o título de cidadão honorário do Município de Varginha-MG em 09/08/2016.

Publicidade

Veja mais notícias no Varginha Digital

Siga-nos no Google News

Participe dos Grupos do WhatsApp e receba as novidades!

Varginha Digital
Notícias de Varginha e do sul de Minas direto no seu celular.

Se você encontrou alguma imagem ou texto em que os direitos autorais não foram creditados, por favor, entre em contato conosco para efetuarmos a correção.

Siga o Varginha Digital no

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui