Macacos mortos em Varginha não tinham febre amarela

As amostras retiradas dos animais foram analisadas pela Fundação Ezequiel Dias (Funed), de Belo Horizonte.

A Secretaria Municipal de Saúde de Varginha (MG) confirmou que cinco macacos encontrados mortos Varginha não tinham febre amarela.

Desde o início do ano foram encontrados seis macacos mortos em Varginha. Até agora a Secretaria de Estado de Saúde confirmou a presença do vírus da febre amarela em dois macacos encontrados nos meses de agosto e novembro do ano passado, em Gonçalves e Extrema.

É sempre bom lembrar que os macacos não transmitem febre amarela, eles são hospedeiros da doença e tão vítimas quanto o ser humano.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Insira seu comentário
Por favor digite seu nome