Movimento Maio Amarelo começa oficialmente

A campanha Maio Amarelo tem o mote “Nós somos o trânsito”. O objetivo é mobilizar todo o país a fim de reduzir o número de mortes no trânsito

A campanha oficial do Movimento Maio Amarelo 2018 foi lançada no dia 17 de abril, em todas as redes sociais – Twitter, Facebook, Instagram e sites maioamarelo.com e onsv.org.br. A meta é mobilizar todo o país a fim de reduzir o número de mortes no trânsito. A abertura oficial do Movimento Maio Amarelo acontece dia 26 de abril, em Campina Grande (Paraíba).

A ação deste ano foi desenvolvida pela Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores, Anfavea, em parceria com o OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, e doada ao Movimento Maio Amarelo. A campanha já acontece nas redes sociais e tem o lançamento oficial hoje, 26 de abril.

“A segurança no trânsito é uma questão fundamental que demanda comprometimento de toda a sociedade. Para a indústria automobilística, este é um tema constante em todos os debates e por isso os fabricantes investem continuamente na evolução dos veículos, de forma a oferecer soluções de mobilidade cada vez mais humanas, seguras e tecnológicas”, afirma Antonio Megale, presidente da Anfavea.

A proposta da campanha é chamar a atenção sobre a importância da mudança de atitude no trânsito, evidenciar que as mortes causadas por acidentes de trânsito precisam ser freadas e lembrar que cada um é responsável por mudar esse cenário adotando novos comportamentos.

Por isso a campanha faz um convite a todos os cidadãos: que cada um faça a sua parte um por um trânsito mais seguro. Com a hastag “#NósSomosoTrânsito”, o objetivo é que as pessoas possam firmar o compromisso com a redução do número de vítimas do trânsito fazendo a sua parte, que é respeitar as leis de trânsito.

De acordo com José Aurelio Ramalho, diretor-presidente do OBSERVATÓRIO, a meta deste ano é lembrar que o trânsito é feito de pessoas. “Para isso utilizamos as placas de trânsito com pictogramas para fazer um link com a vida real e mostrar que pedestre, ciclista, motorista e cadeirante são seres humanos. Por trás do aspecto frio e impessoal do trânsito, existem pessoas reais. Queremos mostrar seres humanos por trás dos ícones que representam as leis de trânsito. Assim, conseguimos demonstrar o que há de mais precioso por traz do trânsito: nós, seres humanos”, explica Ramalho.

Para conhecer a campanha acesse o site Maio Amarelo ou o do OBSERVATÓRIO, no Twitter, Instagram e Facebook. Compartilhe a campanha e, efetivamente, mude seu comportamento no trânsito.

Comente e Compartilhe.

Veja mais Notícias.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Insira seu comentário
Por favor digite seu nome