Virada Varginha 2018 prorroga prazo para inscrições de projetos

As inscrições de ideias para atividades durante a Virada Varginha 2018 podem ser feitas até dia 3 de maio, quinta-feira.

Programado para ser realizado durante a Semana Mundial do Meio Ambiente, entre os dias ​7 e 9 de junho, a Virada Varginha terá uma série de ações em diversos locais espalhados por todas as regiões da cidade.

Nesta terceira edição, o festival de cidadania concentrará as produções próprias ao longo da antiga linha férrea, uma via plana  e praticamente abandonada de cerca de oito quilômetros de extensão, que cruza toda a cidade desde a Vila Paiva no norte até o Damasco no extremo sul, às margens do rio Verde.

Baseadas prioritariamente no tripé esporte, saúde e meio-ambiente, as ideias inscritas deverão partir da premissa de que, em algum nível, contribuem por uma cidade e sociedade mais humana, justa e unida.

Já o perfil das ações podem ser em qualquer segmento como música, teatro, instalações artísticas, exposições fotográficas, oficinas e palestras, gastronomia, dança, ufologia, café, corridas e caminhadas, preferencialmente que incluam crianças, idosos, deficientes, entre outras minorias da população varginhense.

O intuito das atividades e atrações na região será o de sensibilizar a população, o empresariado e as esferas governamentais para a elaboração de um inovador diagnóstico popular contendo múltiplas visões desejáveis de futuro para o espaço.

O desejo pela revitalização gradativa vem sendo sonhada para ser planejada e executada de maneira colaborativa. Milhares de imóveis localizados em bairros no entorno da potencial futura via não motorizada potencialmente terão uma alta valorização com este processo. Desde 2015, a Virada Varginha desenvolve uma série de ações que contribuem para a população volte seus olhos para o local.

“Estamos mapeando iniciativas públicas e privadas no segmento de saúde para ofertar estes serviços gratuitamente ao público circulante pelas atividades ao longo da antiga linha férrea durante a Virada”, revela a Dra. Ludmila Maiolini, curadora de saúde do festival.

Uma das característica marcantes do evento é a busca pela articulação entre todas as esferas da sociedade: governos, empresas e organizações não-governamentais, além de cidadãos independentes engajados. “O número de propostas recebidas essa ano já superaram as de 2017. É perceptivo o aumento no interesse das pessoas em contribuírem com seus dons e talentos em prol da cidade”, conclui Michel Pedro, curador de música da Virada Varginha.

O evento é uma realização da Muda de Ideia, Coletivo Rede Varginha e alinhado com o Fórum Varginha 2.050. A coprodução é da Sakey Comunicação. Os patrocinadores e apoiadores dessa edição ainda estão em negociação, e em breve serão divulgados.

Para mais informações, e inscrição no site Virada Varginha.

Comente e Compartilhe.

Veja mais Notícias de Varginha.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Insira seu comentário
Por favor digite seu nome