Usina do Funil fará testes de sirenes em Lavras e Ribeirão Vermelho 

Publicidade

Os testes fazem parte do Plano de Ação de Emergência (PAE) da Usina Hidrelétrica Engenheiro José Mendes Júnior, conhecida como Usina do Funil.

Na próxima terça-feira, 12 de abril, os moradores das cidades de Lavras e Ribeirão Vermelho ouvirão os sons de testes das sirenes instaladas nessas regiões. Os testes fazem parte do Plano de Ação de Emergência (PAE) da Usina Hidrelétrica Engenheiro José Mendes Júnior, conhecida como Usina do Funil, pertencente à Aliança Energia. A unidade está localizada no Rio Grande. 

Serão três acionamentos sonoros de aproximadamente 20 segundos cada, a partir das 14h30. Não há necessidade de mobilização e deslocamento da população para pontos de encontro durante o teste. 

De acordo com o coordenador da Usina Hidrelétrica de Funil, Willian Rosa, a informação sonora que será veiculada nestes testes terá formato diferente das anteriores. 

“Neste ano, trazemos como novidade a mudança no áudio do teste que a população ouvirá. O padrão sonoro será a mensagem de voz informando o início do teste, uma música mais calma que tocará por alguns segundos e a mensagem de voz que informará aos moradores a conclusão do teste. Essa mudança visa dar mais conforto à população durante a realização dos testes, que continuam sendo muito importantes para que tenhamos validação do correto funcionamento do sistema de alerta. O som padrão da sirene já é conhecido pela população e será acionado apenas quando houver uma real situação de emergência ou em algum teste específico que será comunicado com antecedência à população”, explica.

Publicidade

Novos testes das sirenes estão programados para serem realizados nos meses de julho e novembro desse ano. Representantes da Defesa Civil, Corpo de Bombeiros, Polícia Militar e da equipe da Aliança Energia compõem um grupo de trabalho que tem uma rotina de acompanhamento e estarão juntos monitorando e acompanhando mais essa ação preventiva. 

A Usina de Funil permanece classificada como de baixo risco e as estruturas atendem plenamente aos fatores de segurança, conforme Relatório da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL). 


Veja mais notícias no Varginha Digital

Siga-nos no Google News

Participe dos Grupos do WhatsApp e receba as novidades!

Notícias de Varginha e do sul de Minas direto no seu celular.

Se você encontrou alguma imagem ou texto em que os direitos autorais não foram creditados, por favor, entre em contato conosco para efetuarmos a correção.

Siga o Varginha Digital no

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui