Moradores de Guaxupé poderão participar dos testes clínicos da ButanVac

Publicidade

A ButanVac é a primeira vacina 100% brasileira contra a Covid-19.

A partir desta semana, moradores de Guaxupé poderão se voluntariar para participar dos testes clínicos da ButanVac, a primeira vacina 100% brasileira contra a Covid-19. Serão selecionadas 400 voluntários. A inscrição pode ser feita no site da prefeitura, neste link.

A seleção vai acontecer ainda nesta semana para uma segunda etapa que será realizada até o dia 2 de setembro. Quem vai fazer a triagem é a equipe do Butantan, mas a secretaria de saúde de Guaxupé será a responsável por entrar em contato com as pessoas que forem “aprovadas”.  

A previsão é de que os voluntários passem por esse processo de triagem entre 31 de agosto e 2 de setembro. A primeira dose da vacina deve ser aplicada até a primeira quinzena de setembro. A segunda dose está prevista para acontecer até o meio de outubro. 

Os detalhes foram divulgados nesta quarta (25/8) pelo governador do Estado de São Paulo, João Doria (PSDB).

Publicidade

Os interessados devem, obrigatoriamente, responder um questionário, com perguntas como “se tem alergia a ovo ou frango” (a vacina do Butantan é feita com proteína de ovo), e “se já tomou alguma outra vacina recentemente”.  

Testes clínicos

O processo de testagem da ButanVac conta com três passos. A etapa A já tem 418 voluntários que foram selecionados em Ribeirão Preto/SP, e vai contar com mais 400 moradores de Guaxupé, que serão selecionados.

Em metade dos voluntários será aplicada a vacina ButanVac, e na outra metade a Coronavac, para avaliar a segurança e a dose ideal de imunizante. Diferentemente de outros testes, não haverá placebo (soro fisiológico, no caso).

Nas etapas B e C vão avaliar a resposta imune e envolverão mais de 5 mil voluntários (que podem ser de cidades paulistas ou até mesmo mineiras, mas ainda não houve a divulgação dessa parte do plano). A partir daí será feita a comparação entre o desempenho da nova vacina do Butantan contra a COVID-19 e outros imunizantes, além do teste de efetividade contra as variantes que já existem.   

ButanVac

 A Butanvac é desenvolvida a partir de um coronavírus desativado. Como este vírus infecta aves e é inofensivo em humanos, ele replica muito bem em ovos embrionados de galinhas Além de ser barata e muito disseminada, essa técnica é uma especialidade do Butantan. O instituto produz anualmente 80 milhões de vacinas da gripe usando ovos – que são distribuídas em Minas Gerais, por exemplo, e estão disponíveis para toda a população.

 


Veja também

Se você encontrou alguma imagem ou texto em que os direitos autorais não foram creditados, por favor, entre em contato conosco para efetuarmos a correção.

Siga-nos no Google News

Varginha Digital
Notícias de Varginha e do sul de Minas direto no seu celular.
Varginha em um clique!

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui