São Thomé das Letras proíbe grandes eventos na Semana Santa e no carnaval

Turismo
São Thomé das Letras

O grande número de turistas nestes eventos tem causado transtornos como falta de água em São Thomé das Letras.

Uma lei sancionada nesta semana em São Tomé das Letras vai limitar os grandes shows com cobrança de ingressos em feriados como Semana Santa e Carnaval.

A lei foi criada porque esses shows acabam atraindo um público muito grande, o que extrapola a capacidade da infraestrutura turística da cidade, gerando transtornos para os turistas e também para os moradores, como por exemplo, a falta de água.

“Os eventos estavam recebendo de 15 a 20 mil pessoas, e isso acontecendo em datas que são feriados, onde a gente recebe um público maior”, explica a turismóloga e chefe do Departamento de Turismo de São Tomé das Letras, Carla Gonzalez.

A lei começou a ser discutida depois de um festival na Semana Santa de 2018, que atraiu cerca de 30 mil turistas para a cidade.

Na época vários biólogos afirmaram que o número excessivo de pessoas era uma ameaça à biodiversidade. As fogueiras também são outro risco, já que uma delas provocou um incêndio no parque Antônio Rosa e destruiu quase três hectares.

O projeto de lei surgiu devido às preocupações com os impactos econômicos e ambientais.

A lei

A lei sancionada traz diversas limitações para shows e festas. Confira:

  • Semana Santa e do carnaval:

Ficará proibida a realização de quaisquer shows e eventos musicais, públicos ou particulares, com cobrança de ingressos (de forma direta ou indireta).

Festas particulares, eventos comunitários ou meramente sociais, festas populares típicas e pequenos eventos com finalidades filantrópicas ou beneficentes poderão ser realizadas.

Shows, bailes, festas e eventos musicais particulares devem ter lotação máxima de mil pessoas, com ou sem venda de ingressos.

  • Réveillon:

Será vedada a realização de shows e eventos musicais particulares com cobrança de ingresso.

A prefeitura poderá promover shows e festividades em locais públicos, sem cobrança de ingressos

  • Demais feriados prolongados:

Somente será permitida a realização de shows e eventos musicais, públicos ou particulares, que não ultrapassem 9 horas corridas.

O número de atrações artísticas de renome nacional ou internacional não pode ser superior a três e o público não seja superior a 10 mil pessoas.

Também não serão permitidas a realização de mais de um evento pelo mesmo produtor e a realização de eventos com mais de uma data de apresentações ou atrações.

Fonte: G1

Voltar para a Página Inicial | Curta o Varginha Digital no Facebook

DEIXE UM COMENTÁRIO

Insira seu comentário
Por favor digite seu nome