Vereadores de Elói Mendes são investigados por desvio de verbas

Oito vereadores de Elói Mendes estão envolvidos no caso.

Oito vereadores de Elói Mendes estão sendo investigados pelo Ministério Público por desvio de dinheiro público. Na manhã desta quinta-feira, 2, o Gaeco desencadeou a Operação “Ubiquidade”, cumprindo oito mandados judiciais. Foram apreendidos dinheiro, veículos e imóveis.

De acordo com informações do Ministério Público, os vereadores são suspeitos de receberem diárias indevidas. Foram apurados 148 crimes de peculato, prática que caracteriza desvio de dinheiro público. O valor ultrapassa a casa dos R$ 200 mil reais.

A operação teve apoio das Polícias Militar e a Polícia Civil.

Entenda o caso

As investigações começaram em fevereiro de 2018 e apontam que esses vereadores teriam recebido diárias indevidas de viagens que não foram realizadas.

Ainda de acordo com o GAECO, os oito vereadores serão afastados dos cargos e impedidos de assumir funções públicas. Os nomes dos envolvidos não foram divulgados pelo Ministério Público.

O nome, Ubiquidade, significa estar presente ao mesmo tempo em todos os lugares.

Voltar para a Página Inicial | Curta o Varginha Digital no Facebook

DEIXE UM COMENTÁRIO

Insira seu comentário
Por favor digite seu nome