Professores da rede estadual fazem manifestação em Varginha

Foto: Ricardo Andrade.

Mais de 200 professores fizeram um protesto pacífico no centro de Varginha para reivindicar a normalização do pagamento dos salários.

O protesto dos professores  estaduais nesta manhã,18, em Varginha foi pacífico e a reivindicação é que o pagamento dos salários seja regularizado. Hoje também aconteceram protestos em Três Pontas e Boa Esperança. Amanhã estão previstas manifestações em Campanha e Alfenas.

“Estão previstas outras manifestações em diversas cidades de Minas até a regularização do pagamento dos salários”, informa o Diretor Estadual do Sind-UTE MG, Abdon Guimarães. Ele confirma também que 50% das escolas estaduais de Varginha estão totalmente paralisadas. Outras escolas estão funcionando com 50% das aulas e outras ainda estão funcionando normalmente.

Cerca de 53% dos servidores estaduais de Minas Gerais ainda não receberam a primeira parcela do salário, que estava prevista para o dia 13 de junho. De acordo com informações do Sind-UTE os professores da ativa receberam R$ 1.500,00 no 15. Os inativos devem receber R$ 1.000,00 amanhã, 19. Não foi divulgado a data para o pagamento do restante da primeira parcela do salário.

Quanto à segunda parcela, prevista para 25 de junho, deve ser paga na data certa, de acordo com a Secretaria de Estado de Fazenda.

Na tabela divulgada no início do mês de junho, o governo de Minas estabeleceu que a primeira parcela seria paga na última quarta-feira, 13/06. Já a segunda tem previsão para depósito dia 25 e a terceira, dia 29.

O Governo de Minas alegou que a greve dos caminhoneiros prejudicou a arrecadação e causou o atraso no pagamento. Veja a matéria completa sobre esse assunto aqui.

Veja mais Notícias.

Acompanhe também pelo Facebook Varginha Digital e pelo Instagram Varginha Digital.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Insira seu comentário
Por favor digite seu nome