Renda Minas: governo busca alternativas de pagamento para famílias com pendências cadastrais

Publicidade

Veja como serão os pagamentos do Renda Minas.

O Governo de Minas Gerais, por meio da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Sedese), está buscando alternativas de pagamento do Renda Minas para as famílias com pendências cadastrais.

Nesta segunda-feira, 30, o governo mineiro finalizou o pagamento as duas primeiras parcelas do programa de transferência de renda do Estado, destinado a complementar o auxílio emergencial do governo federal para o enfrentamento da pandemia de covid-19.

Foram repassados mais de R$ 206,2 milhões para 929.746 famílias abaixo da linha da pobreza. Ao todo, serão 2,8 milhões de pessoas serão beneficiadas.

Para conseguir efetuar o pagamento das parcelas para as famílias que ainda não receberam por problemas cadastrais, a Sedese está tomando as providências para abrir contas de responsáveis familiares menores de idade, indicar ou abrir novas contas para as famílias com pagamentos rejeitados, além de fazer mais uma tentativa de abertura de conta para as 22 mil famílias sem documentação.

Publicidade

A próxima parcela começa a ser paga dia 7/12, veja o calendário:

Requisitos

Têm direito ao benefício as pessoas que estavam inscritas no CadÚnico até 11/7/2020. As famílias também têm que se enquadrar na condição de extrema pobreza, cuja renda por pessoa não ultrapasse R$ 89 mensais. Para saber se você se enquadra nos critérios para receber o benefício, basta acessar o site do Renda Minas e fazer a consulta pelo CPF ou pelo Número de Inscrição Social (NIS).

Depósito

Os pagamentos do Renda Minas são feitos pela Caixa Econômica Federal. Os depósitos caem automaticamente nas contas já existentes de beneficiários, como poupança, conta simplificada e poupança social digital (conta digital, movimentada por meio do aplicativo Caixa Tem).

Apenas o titular e responsável pela família terá acesso ao Renda Minas. Em nenhuma hipótese o benefício será pago em contas de terceiros. Cada família tem direito a três parcelas do benefício. Uma família que possui 3 pessoas cadastradas no CadÚnico receberá, no total, R$ 117 x 3 = R$ 351.

Para tirar dúvidas sobre o programa envie um e-mail para: [email protected]


Veja também

Siga-nos nas Redes Sociais

Novos Caminhos: plataforma oferecerá curso de especialização para professores

Se você encontrou alguma imagem ou texto em que os direitos autorais não foram creditados, por favor, entre em contato conosco para efetuarmos a correção.

Varginha Digital
Notícias de Varginha e do sul de Minas direto no seu celular.
Varginha em um clique!


Publicidade

7 COMENTÁRIOS

  1. Estou com o msm problema ,no site mostrou que tenho direito,que ia cair dia 26 de Outubro,fui na caixa dia 28 e não apareceu nada,ser a que só vou receber no dia que pegar o auxílio,no mês de dezembro?

  2. Eu só tenho a conta vinculada onde eu recebo o bolsa família e o meu renda minas não vei na data previsto eu tenho o numero do renda Minas meu nome Ângela Maria …referente Outubro não recebi nada final zero sou legível aos critérios do renda Minas com eu faço

    • Estou com o msm problema ,no site mostrou que tenho direito,que ia cair dia 26 de Outubro,fui na caixa dia 28 e não apareceu nada,ser a que só vou receber no dia que pegar o auxílio,no mês de dezembro?

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui