Zema fala sobre o pagamento do 13º salário dos servidores de Minas

Publicidade

O Governador Romeu Zema falou nesta quarta-feira sobre o pagamento do 13º salário dos servidores públicos do estado de Minas Gerais em 2020.

O Governador Romeu Zema, falou sobre o pagamento do 13º salário dos servidores estaduais de Minas Gerais. Em entrevista a rádio Itatiaia, nesta terça-feira (24), Zema, disse ainda não ter uma data definida para o pagamento do 13º salário dos servidores de MG. # pagamento 13º servidores

ATUALIZAÇÃO: Zema anuncia que pagará parte 13º dos servidores mineiros antes do Natal

Na entrevista, Zema nem sequer garantiu que o benefício será depositado neste ano.

Nós temos nos empenhado ao máximo para que a maior proporção do 13º salário seja paga o quanto antes, mas ainda não temos uma definição”, disse. O governador sequer quis garantir que uma parcela do benefício será paga neste ano. “Seria muita pretensão minha dizer isso. Vamos ter, na semana que vem, reunião com a Secretaria da Fazenda para darmos um cenário de como será feita essa programação do pagamento, mas nesse momento não posso assumir esse compromisso.” Radio Itatiaia

Publicidade

Em relação ao salário de novembro, pago em dezembro, Zema declarou que a escala deve ser divulgada até segunda-feira (30).

O governador voltou a argumentar que há necessidade de o estado passar por reformas. “O meu grande desejo é ter um governo que pague pontualmente aquilo que é direito do funcionário público, e já fizemos avanços. Há dois anos, quando assumimos, o funcionário público estava sem plano de saúde, já regularizamos isso; não tinha acesso a empréstimo consignado, já regularizamos. Vamos chegar ao ponto em que vamos regularizar o 13º”, argumentou.

Depende muito de aprovação da privatização da Codemig (Companhia de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais), que está na Assembleia Legislativa. Sem as reformas, o estado não é viável financeiramente. Já aprovamos a reforma da Previdência, mas o efeito dela será daqui a cinco, dez anos. Dependemos dessa privatização da Codemig e espero que os deputados sejam sensíveis a essa questão”, completou.

Veja também: Zema divulga escala de pagamento em novembro e fala sobre 13º


Veja também

Siga-nos nas Redes Sociais

Novos Caminhos: plataforma oferecerá curso de especialização para professores

Varginha Digital
Notícias de Varginha e região direto no seu celular.
Informação com credibilidade, Varginha em um clique!

Se você encontrou alguma imagem ou texto em que os direitos autorais não foram creditados, por favor, entre em contato conosco para efetuarmos a correção.


Publicidade

22 COMENTÁRIOS

  1. ” IRMÃOS ESTAMOS NO MESMO NAVIO…
    ESSA SITUAÇÃO VEM DOS POLÍTICOS ANTERIORES QUE, PASSARAM PELO GOVERNO PARA E PENSAM, O NAVIO AFUNDANDO TODOS NÓS, VAMOS JUNTOS…”

  2. Eu não sou servidor público não , mas estou vendo um estado fudido , que diz que não tem dinheiro para pagar o 13 salário dos seus servidores , mas aí te pergunto : de o de vem o dinheiro do renda minas ? 39.00 por pessoa ? De o de vem ? Ja não bastasse essa porra de auxílio , agora mais essa . alguem pode explicar isso ?

  3. Há eu já não estou achando nada!
    Afinal, eu votei no Romeu Zema, se não está bom, tenho uma parcela de culpa, sinto muito, mas, mesmo assim, continuo apoiando!

  4. Não só estado de MG se tornou inviável, o Brasil se tornou um país inviável financeiramente, uma carga tributária gigantesca, uma máquina pública inchada ,Enquanto o país nao enxugar máquina pública e fazer a reforma administrativa principalmente a reforma do Judiciário , legislativo e executivo onde os servidores públicos vivem uma realidade de realeza vamos nos deparar com esta situação,quem realmente precisa receber seu salário em dia não recebe.Nao existe milagre econômico, não existe varinha mágica que fábrica dinheiro,não se gasta mais do que ganha,hoje máquina pública além de não ser produtiva para o país atrapalha iniciativa privada haja vista que dezenas de empresas pequenas e medias fecharam as portas o que resultou numa queda gigantesca da arrecadação. Acrescento que a situação tende a piorar se o estado Brasileiro não enxugar ,passar gastar menos do que ganha vamos cada vez mais se aproximar caos econômico, tanto servidores públicos e iniciativa privada pagarão um preço muito alto, queda no poder compra e renda ,estamos cada vez mais perto do precipício e pior não vejo ninguém do governo se movimentando para resolver, o mais grave todos sabem desta realidade,e quando alguém levanta este assunto ,os sindicatos de categorias previliadas do setor público rapidamente se organizam para impedir qualquer movimento em prol da reforma,Enquanto a desigualdade dentro próprio publico setor é enorme e o mais inacreditável não tem se que dinheiro pagar os atuais servidores e estão abrindo mais concursos públicos. Este é o Brasil,triste e lamentável.

    • Para de repetir esse discurso que a mídia e os governantes estão vendendo. Dinheiro tem muito! A cada ano o Brasil bate recorde de arrecadação. É um país rico. O problema está no gasto do dinheiro. Se gasta mal além de se roubar muito. O servidor é um tralhador digno e merece respeito. A reforma administrativa só trará prejuízo para a sociedade.

    • Concordo até certo ponto, mas dizer que todo servidor vive realidade de realeza é leviano.
      Somente uma minoria dos servidores recebem salários e benefícios de realeza, por exemplo juízes e promotores, fiscais da receita etc.
      A maioria não ganha nem 1/3 disso.

  5. Eu tenho uma pergunta/investigação para o zema, vocês poderiam fazer na próxima entrevista? Creio que todos queremos saber da promessa de campanha: “até eu colocar os salários em dia não vou receber!”

    Agradeceria, é uma pessoa de palavra?

  6. Apesar de eu ser da área de saúde e estar recebendo em dia meu salário, concordo plenamente com outros profissionais. Todos deveriam receber seus salários em dia e sem parcelamento , pois todos trabalharam e faz jus à isso . Acho um tremendo desrespeito e covardia essa atitude do nosso governo . Mas mostraremos nossa indignação nas próximas eleições

    • Que dinheiro público ele usou pra apoiar candidato? Primeiro, o partido novo não usa dinheiro público. Tudo vem de doações. Segundo, ele usou dinheiro dele mesmo para ir nas cidades apoiar alguns candidatos. Minas está tendo o melhor governadores do Brasil e o melhor que já tivemos por aqui.

  7. Pagar a polícia e a saúde e deixar os demais servidores sem pagam ento é ato de discriminação sem paralelo no Estado de Minas.Espero.que saibamos dar a resposta nas próximas eleições

  8. Tb acho q a escolha de profissão é problema de cada um, isso não pode me dar mais diretos doq a outras profissões, então sendo assim volto dizer ‘os direitos devem ser iguais” nós todos temos comer, temos compromissos, dividas, responsabilidades, as quais queremos arcar com dignidade. Temos nomes a zelar.

  9. Todos os setores têm q ter os mesmos direitos, a pressão feita pelos setores de saúde e segurança causaram um transtorno em q o setor de educação não conseguiria causar né?? O q vale a a pressão exercida no governo e não o valor de cada setor. OS DIREITOS DEVERIAM SER IGUAIS!!!!!!!!!!

  10. Acho um absurdo o estado dar prioridade pro pagamento dos setores de saúde e segurança, fico me perguntando pq??? Se esses setores resolverem parar o estado para? A educação não tem valor aqui em MG e nem em outro lugar qq no Brasil. FALTA DE RESPEITO COM A EDUCAÇÃO, ISSO SIM!!!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui