Espaço Cidadania faz parceria para promover inclusão de mulheres vítimas de violência no mercado de trabalho

Espaço Cidadania da Câmara de Varginha firma parceria para promover inclusão de mulheres vítimas de violência no mercado de trabalho.

Uma parceria firmada entre o Espaço Cidadania da Câmara de Varginha e a Delegacia Especializada em Atendimento às Mulheres – Deam – possibilitará o encaminhamento de mulheres vítimas de violência doméstica para vagas de trabalho.

Publicidade

A boa notícia foi dada durante uma reunião realizada nesta quinta-feira (3) entre o presidente da Câmara, vereador Apoliano do Projeto Dom, a vereadora Zilda Silva, a delegada titular da Delegacia Especializada em Atendimento às Mulheres, Geny Azevedo e a diretora do Espaço Cidadania, Auriene Barbosa.

Precisamos de políticas públicas voltadas para essas vítimas que muitas vezes não denunciam e nem separam do seu agressor por não terem dependência financeira. Se muitas dessas mulheres tiverem um emprego, tenho certeza que já estaríamos ajudando e muito”, disse a delegada.

O presidente da Câmara, então, disponibilizou a estrutura do Espaço Cidadania para esse apoio. “Aqui temos atendido, diariamente, dezenas de pessoas em busca de emprego e a maioria é mulher. Podemos acolher essa vítima confeccionando o currículo e encaminhando para as empresas parceiras que possuem vagas que encaixam no perfil desta mulher. Precisamos unir forças para promover uma vida mais segura e digna a essas mulheres”, disse Apoliano.

espaço cidadania mulheres trabalho
Reunião com delegada da mulher no Espaço Cidadania.

A vereadora Zilda Silva também enfatizou a importância de se promover mais ações diminuir os crimes que têm aumentado cada vez mais contras as mulheres. “A violência doméstica é um problema que envolve vários fatores. Geralmente a família está desestruturada, os filhos também precisam de acolhimento e passam até mesmo por dificuldade financeira. Continuari cobrando do Poder Público medidas para reduzir os índices de violência doméstica em Varginha”, disse a vereadora.

O Espaço Cidadania e a Deam serão parceiros no cadastro e encaminhamento dessas mulheres ao mercado de trabalho. Os currículos serão feitos e encaminhados pelo Espaço Cidadania sem expor essas vítimas. Mais informações sobre esse assunto e também empresas que queiram participar deste projeto, podem entrar em contato pelo 3219-4757 e falar no Espaço Cidadania.

Publicidade

Veja também: