Saem novas nomeações do Concurso da Educação de 2017, progressões e promoções nas carreiras de servidores

Publicidade

O Governo de Minas publicou novas nomeações de excedentes do Concurso da Educação de 2017 e concedeu progressões e promoções nas carreiras de servidores.

A Secretaria de Estado de Educação de Minas Gerais (SEE/MG) publicou, nesta quarta-feira (13/12), em Edição extra do Diário Oficial de Minas Gerais, mais um lote com 624 nomeações de excedentes aprovados no concurso público regido pelo Edital SEE n° 7/2017. São 524 nomeações para o cargo de Professor de Educação Básica (PEB) e 100 de Especialista de Educação Básica (EEB). Dessa forma, só em 2023, foram nomeados aproximadamente 6 mil excedentes do concurso, cujo edital segue vigente até abril de 2024. 

Para o secretário de Estado de Educação, Igor de Alvarenga, as nomeações reafirmam o compromisso do Governo de Minas com a educação de qualidade, valorizando ainda mais os professores e servidores da Educação. “Temos a felicidade de saber que durante o ano todo de 2023 nós conseguimos fazer a nomeação de 6 mil servidores da educação. Além disso, o pagamento do Adveb está em dia e nós tivemos 34 mil servidores que tiveram as progressões concedidas e 11 mil que foram promovidos em suas carreiras”, destaca. 

Publicidade

Novas promoções e progressões 

Seguindo a política de valorização dos servidores, a SEE/MG também publicou, nesta quarta-feira (13), no Diário Oficial de Minas Gerais, novas concessões de promoção e progressão na carreira para servidores efetivos que cumpriram os requisitos para o benefício. Importante destacar que esta é a  11ª publicação de concessões de promoção e a 10ª de progressão. Para consultar os nomes, veja o Ato 2570/2023, referente à  promoção, nas páginas 22 a 27,  e o Ato 2571/2023, de progressão, nas páginas 27 a 41. 

Nesta publicação, são 2.519 concessões para evolução na carreira, sendo 1.809 de progressão e 710 de promoção. O reflexo das progressões e promoções concedidas será percebido pelos servidores, a partir do mês de fevereiro de 2024. São servidores efetivos que cumpriram os requisitos legais para terem direito aos benefícios concedidos. Com este ato, a remuneração do servidor terá um acréscimo 2,5% para progressão e 10% para promoção, respectivamente. 

Ao longo de 2023, foram concedidas quase 53 mil concessões de valorização da carreira, sendo 38.605 progressões e 13.513 promoções publicadas. 

Publicidade

Critérios para evolução na carreira

As progressões são horizontais, com mudanças de grau na carreira, e os critérios para concessão são: estar em efetivo exercício, ter cumprido o interstício de dois anos de efetivo exercício no mesmo grau e ter recebido duas avaliações de desempenho individual satisfatórias, desde a sua progressão anterior (70% ou mais).

Já as promoções são verticais, com mudanças de nível na carreira, os critérios para concessão se dão por estar em efetivo do exercício, ter cumprido o interstício de cinco anos de efetivo exercício no mesmo nível, ter recebido cinco avaliações de desempenho individual satisfatórias, desde a sua promoção anterior (70% ou mais) e possuir a escolaridade mínima exigida para o nível imediatamente superior.

Plano de carreira

Publicidade

A evolução nas carreiras dos servidores efetivos foi definida pelo Plano das Carreiras dos Profissionais de Educação Básica, estabelecido pela Lei n° 15.293/2004. Para que ela ocorra, os dados do servidor devem estar sempre atualizados no Sistema de Administração de Pessoal (Sisap). Essa atualização cabe às Superintendências Regionais de Ensino (SREs).

LINKS IMPORTANTES

O exame admissional dos candidatos nomeados será realizado pela Superintendência Central de Perícia Médica e Saúde Ocupacional da Seplag, nas datas e horários informados neste link

A lista com os nomes dos novos profissionais que irão integrar a Educação pode ser consultada na Edição Extra do jornal, neste link, ou faça o download do documento, neste link.

Fonte: Secretaria de Educação de MG

Publicidade

Publicidade