Empresário é preso em Varginha por suspeita de pedofilia

carro polícia militar
Imagem ilustrativa

O empresário preso já é investigado por participar de esquema de fraude em contrato de fornecimento de autopeças para a Prefeitura de Elói Mendes.

Um empresário de Varginha, que já é investigado por participar de esquema de fraude em contrato de fornecimento de autopeças para a Prefeitura de Elói Mendes, foi preso por suspeita de pedofilia.

O homem foi detido através de mandado de prisão cumprido pela Polícia Militar.

No dia 2 de outubro de 2020, ele e mais cinco pessoas foram presas na operação Trem Fantasma 2, realizada pelo Ministério Público, para desarticular esquema de apropriação de dinheiro público através de fraude.

Na ocasião, os investigados tiveram bens e dinheiro apreendidos que somavam 50 milhões de reais.

As informações são do Blog do Madeira e do Varginha 24 Horas.


Veja também

Siga-nos nas Redes Sociais

Novos Caminhos: plataforma oferecerá curso de especialização para professores

Se você encontrou alguma imagem ou texto em que os direitos autorais não foram creditados, por favor, entre em contato conosco para efetuarmos a correção.

Varginha Digital
Notícias de Varginha e do sul de Minas direto no seu celular.
Varginha em um clique!


DEIXE UM COMENTÁRIO

Insira seu comentário
Por favor digite seu nome