Mulher é presa por suspeita de torturar e agredir filho de 3 anos

Criança agredida
Foto ilustrativa

A mulher foi presa em flagrante por torturar e agredir o menor vulnerável.

Uma mulher foi presa por suspeita de torturar e agredir o filho de 3 anos. A prisão aconteceu na tarde deste sábado, 24, em Santa Rita do Sapucaí.

A Polícia Militar foi acionada pelo hospital, onde a criança deu entrada em estado grave. De acordo com os médicos a criança apresentava sinais pontuais que indicavam possíveis maus-tratos, como marca de queimadura, hematomas pontuais e outros generalizados pelo corpo. 

Também foram identificadas lesões internas, identificadas por meio de exames. De acordo com informações do Conselho Tutelar, a família já é acompanhada pelo órgão.

O delegado de plantão da Delegacia Regional de Pouso Alegre recebeu a ocorrência e iniciou o inquérito ouvindo os envolvidos, além de verificar o estado da vítima. 

O que diz a mãe

Segundo a mãe, as lesões do filho foram causadas pela queda de um guarda-roupas sobre ele, mordidas de cachorro, queda próximo a uma janela e queimadura por óleo quente de cozinha que havia espirrado acidentalmente.

A suspeita foi presa em flagrante por torturar e agredir o menor vulnerável, e encaminhada para o Presídio de Caxambu, para isolamento de prevenção à Covid-19.

Com informações Hoje em Dia.


whatsapp varginha digital noticias

Se você encontrou alguma imagem ou texto em que os direitos autorais não foram creditados, por favor, entre em contato conosco para efetuarmos a correção.

Veja também

Siga-nos nas Redes Sociais

Novos Caminhos: plataforma oferecerá curso de especialização para professores
logo varginha digital

Varginha Digital
Notícias de Varginha e região direto no seu celular.
Informação com credibilidade, Varginha em um clique!

DEIXE UM COMENTÁRIO

Insira seu comentário
Por favor digite seu nome